16/01/2013

James Pickens fala sobre a morte de Adele e o futuro

BY Mari IN , 5 comments

James Pickens, em entrevista ao The Hollywood Reporter, conta sobre a morte de Adele e o que está por vir em Grey's Anatomy.


Grey's Anatomy aumentou a estatística das mortes desta temporada na última quinta, quando a esposa de Richard Webber, Adele, se juntou à lista das partidas de pessoas queridas.

The Hollywood Reporter: Como a morte de Adele irá impactar Richard?
James Pickens Jr.: Isso o afeta de uma forma realmente profunda. Eles provavelmente já era casados há mais de 25 anos, e ele sente que falhou, que talvez ele deveria ter sido um pouco mais presente quando ela estava na casa de repouso e talvez algumas coisas poderiam ter sido consertadas antes de se tornarem ruins demais. A coisa mais importante para ele é um sentimento de culpa; suas indiscrições do passado, o fato de que ele não estava presente, por vezes, emocionalmente e fisicamente por causa de seu trabalho. Seu trabalho tinha tomado precedência sobre sua vida pessoal, e a morte dela realmente o afetou muito mais profundamente do que as pessoas imaginam.

THR: Como veremos sua luta após a morte de Adele?
JP:  Seu relacionamento com Catherine torna-se um verdadeiro obstáculo para ele. Ele sente que o tempo que ele poderia ter gasto com Adele ele estava jantando com Catherine, então pode ser que ele se afaste dela.

THR: Será o fim de seu relacionamento com Catherine, ou há esperança para eles a longo prazo?
JP: Eles vão tentar e ver se eles podem elaborar um pouco mais sobre a possível relação que ele possa ter com Catherine. Há um monte de coisas legais lá, em termos do tipo de dinâmica que eles têm. Eu acho que é realmente intrigante ver como ele vem de um casamento longo e volta à vida lá fora - e se Catherine vai ser uma parte real disso tudo, e se ele irá deixá-la ser uma parte disso.

THR: Como Jackson desempenhará um papel e sua recuperação?
JP: Jackson realmente não sabe o que pensar. Obviamente, é sua mãe e seu superior, e ele está no meio de tudo. É realmente bastante divertido e muito bonito. Há uma parte dele que vê que sua mãe está feliz, isso é tudo o que importa para ele, e que ele preferia vê-la com Richard do que alguém que ele não conhece ou com quem não tivesse uma história.

THR: E sobre Bailey e Meredith, cujo relacionamento com Richard é muito mais do que qualquer outra pessoa no hospital?
JP: Em uma situação como essa, as pessoas que são amigos ou que estão por perto em sua vida, não te muito o que fazer. Você apenas tem que estar lá e ser solidário e dizer: "Ei, eu entendo, e se precisar de mim, pode e ligar na hora". É o que são Bailey e Meredith. Meredith observou-o passar a mesma coisa quando Ellis (Kate Burton) [mãe de Meredith / amante do chefe] faleceu. Ela estava lá para isso, e ela entende que, nessas circunstâncias você tem que deixar a pessoa ter o seu espaço pessoal. Eles vão permitir que ele tenha tempo para lamentar.

THR: Como é que Richard e Bailey lidam com Ben, considerando a decisão dela de adiar o casamento para cuidar de Adele?
JP: Richard a teria levado até o altar caso Adele não tivesse dado entrada na emergência. Ele sempre sentiu que ele era como um pai para ela, não no mesmo sentido como era com Meredith, mas ele sempre se sentiu muito protetor de Bailey, e ele sempre a admirou e respeitou como cirurgiã e pelo tipo de mulher que ela é. Vai ser interessante.

THR: Pode Richard - um alcoólatra em recuperação - voltar a cair alguns maus hábitos ao passar por esse processo?
JP: Isso poderia estar sempre na mente dos roteiristas, mas nós já vimos isto, e nós já vimos como ele evitou isso e como ele tem lidado com isso.


5 comentários:

  1. Nossa, essa semana vcs tao no pique ner, lol, toda hora uma notícia nova. Muito bom.

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da entrevista do James!!

    ResponderExcluir
  3. Alguém pode me dizer de que ep é essa cena da Adele e o Richard?

    ResponderExcluir
  4. Adorei a entrevista com o James!
    Notícias a mil aqui no WLGA *-*

    ResponderExcluir