21/10/2012

9x03 - Love the One You're With - Review

BY Karina IN , 42 comments


Fortaleza.

Há alguns anos, George O’Malley se envolveu com uma colega de trabalho ligeiramente mais velha. Casou com ela, separou, morreu e a moça, apenas uma avulsa que não deveria ter durado mais do que poucos episódios na figuração, se transformou num dos personagens de maior destaque da série. Callie cresceu muito em Grey’s Anatomy e isso já é notável faz um tempinho, mas é inegável o desenvolvimento a atriz no drama mais atual, em que ela se transformou num destaque ainda maior do que todos os colegas que estavam, de fato, na queda daquele avião.

Isso tudo é apenas para dizer que o episódio dessa semana foi realmente muito bom e que muito disso se deve à Callie e ao equilíbrio que a personagem tem representado nessa época de dramas tão pesados. Callie sofre. Perdeu o melhor amigo e pai de sua filha, convive com a esposa em depressão e, ainda assim, é forte, segura, o tão serena quanto a situação permite. Não nego que meu apreço por ela aumentou por causa disso. Apesar de tudo, Callie consegue ter cenas ternas e engraçadas, ao mesmo tempo em que surta no chuveiro e deixa a lógica de lado para ser movida pela emoção.

Em contrapartida temos Arizona, ainda daquele jeito. Embora já tenha expressado meu descontentamento com os argumentos dela, culpando Callie por tudo, quando ninguém tem culpa de nada (além da empresa de aviação), mas compreendo um dos fatores nessa equação. Entendo que ela não queira ser tocada por ninguém, que não queira receber ajuda. É um período de adaptação sem um dos membros principais e, portanto, qualquer um sentiria dificuldades em lidar com isso. Tenho a ideia de que a reação final de Callie pode começar a mudar o rumo dessa história, uma vez que até Cristina consegue dar um sorriso sem forçar a barra.

Parece estranho, mas as exigências do novo chefe de Cristina parecem ajudá-la de alguma forma. Não sei se essa é realmente a intenção do cara, mas colocá-la com o médico mais velho e experiente da cardiologia fez a diferença. Já era de se prever, é claro, mas mesmo assim é bom ver Cristina se abrindo e podendo compartilhar seus sentimentos com alguém, mesmo sem de fato falar sobre o que aconteceu. Só não entendo a relação dela com Owen, que é a coisa mais estranha do começo dessa temporada.

Falando em relações estranhas, eis que o retorno de Kepner cria tensão com Avery. Não vou com a cara dela, mas é quase impossível não rir daquela conversa surreal de ‘revirginização’ e de Justin Timberlake sendo Jesus. Além da voz estridente, esse papinho religioso chatíssimo é o que detona a personagem, muito embora essa nova agarração cm Avery mostre algum potencial.

O que continua muito errada é a tentativa de colocar Bailey como a cômica da série. Não funciona e não é engraçado vê-la surtando por causa de um microondas que parece ter ido para a guerra ou que foi usado para explodir coisas. Muito menos numa crise porque o filho pequeno está se tornando uma pessoa independente. Eu adoro a personagem e acho que ela tem sido, sim, muito mal utilizada, o que é uma pena.

Por fim, basta dizer que está na hora de pararem com os flashbacks do desastre. A história do acidente tem que continuar com a parte da investigação, porque seria bom saber o que causou a queda, mas ninguém precisa ficar revendo mil vezes todo mundo agonizando. Uma vez já foi suficiente. É por isso que a percepção de Derek sobre o acordo milionário foi muito bacana. Será que montanhas de dinheiro trariam paz de espírito? As consequências psicológicas não têm preço e conhecer a verdade parece ser essencial para que todos possam, um dia, ter um sono tranquilo novamente.

P.S*Caso da plástica na barriga ser tão fácil daquele jeito é pura balela. Aquela moça iria sentir tanta dor que sorrir seria impossível por dias e dias.

P.S*Caso da menina que iria perder o pé foi muito bom como paralelo e perspectiva para Callie. Sim, agora ela tem certeza de que tomou a decisão correta com Arizona e a amputação.

P.S*Karev vai se envolver romanticamente com a interna que diz não ter interesse nele porque já dormiu com todas as amiguinhas dela: Sim ou claro?

Escrito por: Camila Barbieri | Fonte: Séries em Série

42 comentários:

  1. texto super coerente, principalmente na parte que fala da Bailey, acho que esta parte está sendo a pior da temporada

    ResponderExcluir
  2. Suelen Loiola21/10/2012 21:10

    Não quero o Alex com aquela interna chata, não fui com a cara dela.

    ResponderExcluir
  3. minha personagem favorita da serie é a callie exatamente por isso...por ela te fazer se acabar de chorar e de chorar de ri em outra cena...chorei só de ver ela chorando

    ResponderExcluir
  4. Finalmente uma boa Review dessa moça!

    ResponderExcluir
  5. Assisti ao episódio na sexta-feira à noite e confesso que fiquei muito decepcionada e frustrada. Mas, ao revê-lo no sábado de manhã, arrepiei e chorei. Foi muito bom e está no mesmo nível dos dois primeiros, cumprindo à risca a proposta de GA: prender o telespectador pelo drama e pelo poder de superação de seus personagens.


    E mais uma vez o destaque vai para Calzona. Vemos uma Arizona fria, irascível, ferina, pegando pesadíssimo com Callie, mas tendo a achar que ela não a culpa pela amputação, simplesmente. Penso que o ódio e a decepção pela perda da perna tem muito mais a ver com o que ela falou para Karev no ep 2 (por que isso iria acontecer com uma pessoa como ela) e a acusação contra Callie é a materialização desse ódio.


    Foram três cenas impagáveis: a acusação silenciosa, a acusação dura e direta, e a catarse de Callie no chuveiro. Nessa última cena, também acredito, Arizona começou a enxergar que a dor e o sofrimento não são apenas dela. A surpresa com que olhou para Callie, quando ela finalmente soltou o choro diz isso. E tenho certeza de que mais para frente Ari vai agradecer Callie por não ter desistido dela. Sara e JCap estão insuperáveis. Palmas para elas.


    Falar que Jackson Avery e April são dispensáveis é cair na repetição, mas achei as cenas deles uma foraçação de barra sem tamanho.



    E Alex Karev detonando a interna mostra que Arizona tem razão. Nada fará dele uma pessoa melhor.


    Achei interessante Bailley sofrendo por ver seus internos crescendo e temendo ficar para trás. Todo profissional passa por essa fase de questionamento, quando começa a perceber que está cercado por gente jovem e cheia de entusiasmo.


    Também gostei muito da Cristina deste 3º episódio. Se os dois primeiros me deixaram com preguiça da Yang, este terceiro me fez fazer as pazes com a personagem. Em todas as cenas, Cristina Yang foi grande, se mostrou um ser mais humano. A cena final do choro escondido foi de doer.



    Mas, voltando à diva da Callie, o que foi aquilo de ursa safada? Genial.


    PS.: Uma pergunta que não quer calar: o que foi feito dos residentes do quarto ano da época da Lexie? Nas temporadas anteriores, os residentes é que atormentavam os internos e davam canseira nos atendentes. Nesta 9ª Temporada não tem mais residentes? O que aconteceu com eles?

    ResponderExcluir
  6. Eu também chorei juntoo, que cenaa foi de partir o coração, e a Jcap e a Sara estão sensacionais em suas respectivas interpretações, fazendo com que nós contemos os dias pra o próximo episódio..
    Calzona ♥♥

    ResponderExcluir
  7. Esse ep. foi muito bom! Foi leve, divertido, mas sem perder o drama! Sou muito suspeita pra falar de Calzona 100%Shipper kk mas realmente as cenas da Callie/AZ estão sendo incríveis e super reais, sabemos que sempre descontamos nossa raiva em quem mais amamos (ironia da vida) mas é nisso que realmente vemos quem nos ama de verdade, pra suportar nosso lado dark! E a Callie esta mostrando ser o " bom homem na tempestade " pq o único momento que ela demonstrou fraqueza na frente da AZ foi na cena do chuveiro, que foi explendida assim como a cena da Cristina na banheira; Todo mundo tem seu limite e a Callie mostrou que o dela esta chegando ao fim, fazendo a AZ perceber que ela esta passando pela msm barra que ela; Afinal essa é a vida de casados, sofrer/sorrir juntos! Esse destaque que elas estão tendo, é muito merecido, pq são atrizes explendidas; Que tem a oportunidade de brilhar, e já estão brilhando! *Finalmente a Cristina encontrou alguém a altura dela, ela realmente precisava de alguém pra bater de frente com ela, pra ela poder deixar sair as emoções, que dava pra notar que tava sufocando ela; *April/Jackson até que achei que formou um casal fofo, e toda aquela tensão deles ter que trabalhar juntos, justo com um casal que só iria ter a 1º vez depois do casamento; Foi o hospital conspirando contra kk;*Eu até que me diverti com a Bailey, sempre achei ela cômica mais não ao extremo como esta sendo! Enfim! Acho que essa temporada tem de tudo pra ser uma linda história de amor e superação, pros personagens que estão envolvidos no acidente; E pros demais um grande história de aprendizagem! Acho que devemos reforçar nosso estoque de lenços, pras fortes emoções que nos espera *-*

    ResponderExcluir
  8. Camila falando bem de Calzona é uma raridade huahuhauhauhau

    ResponderExcluir
  9. Sem duvida perfeita atuação de Sara e de JCap, principalmente Sara sem duvida é uma diva, chorei tanto nesses ep.
    ♥♥Amo d+++ Calzona ♥♥

    ResponderExcluir
  10. Adorei a Review... A Sara Ramirez (Calliope Torres) realmente tá sendo um dos maiores destaques da série, gostei dela desde do primeiro episódio de sua aparição, odiava ela com o George, mas faz parte.
    A Arizona (como comentei em um post anterior) é aceitável a sua mágoa (que espero que não se estenda muito pra não perder a graça), ela e a Callie tem muita química e as duas atrizes... não tenho nem palavras pra descrever a interpretação delas, fantástica!! e concordo plenamente em relação a Bailey, tão disperdiçando a atriz e o seu personagem.
    Mas nesses três episódios quem tá com maior destaque é a Callie sem dúvida, a cena dela rejeitando o acordo tbm expressou o que ela tá sentindo, fora a cena epica do chuveiro e o toque de realidade para a Arizona foi gênial, a Shonda até agora não errou em quase nada, só não gostei da Cristina do primeiro episódio, mas fora isso a temporada começou com o pé direito e espero sinceramente que continue assim.
    Eu fiquei na dúvida tbm sobre os antigos internos, pois eles virarão residentes e quem auxiliava os atendentes eram os residentes (ou eu tô voando???), espero tbm que nesse próximo episódio a Arizona e a Callie comecem a se acertar e que a Shodna Rhimes agora que PP tá sendo encerrada ela não perca o foco de Grey's!!

    ResponderExcluir
  11. Quando acabei de assistir esse Ep. foi escutar saber o que ? a música the story cantada pela Sara no Ep.musical.Agora a letra da musica se encaixa perfeitamente em sua vida!
    Sempre gostei da Callie hj sou fã !

    ResponderExcluir
  12. April foi demitida de Seattle Grace, após não ter aprovado no exame da ordem médica.
    Ela retorna ao Seattle Grace como atendente? Ela não deveria repetir o ano de residência? Não entendi. rs

    ResponderExcluir
  13. Pois éé, isso eu tbm fiquei meio na dúvida..
    mas acho q talvez ela tenha tido a oportunidade de fazer os testes de novo..que nem o george da vez q ele reprovou..mas msmo assim fiquei na dúvida

    ResponderExcluir
  14. Gente essa review esta perfeita! Sara e Jcaw ta dando um show de interpretacao realmente as vezes tenho a impressao que e real o que elas estao passando. I LOVE CALZONA

    ResponderExcluir
  15. Julia Barbosa22/10/2012 02:01

    Bota raridade nisso hiuashdiaush

    ResponderExcluir
  16. Julia Barbosa22/10/2012 02:01

    Então somos 3 , pois eu não entendi nada ---'

    ResponderExcluir
  17. Por minha vez, eu nao concordo muito com a review. Para quem como eu amou o primeiro episódio da temporada, este terceiro vem como decepcionante apesar de ter algumas cenas marcantes. Sinto que toda a vez Shonda faz isto , ela acaba de forma alta e marcante uma temporada e consegue retomar bem a proxima temporada prometendo uma serie de coisas que depois esquece. Onde esta a Meredith Medusa? gostava mais de ver isso do que ver a April voltando como atendente (nem se quer foi explicado como isso é possivel), gastou-se muito do episodio com o papo chato sobre a religiao.
    Depois temos a promessa do romance, pelo menos para os fans de MerDer. Desde cedo "tremi" quando ela prometeu isso porque ja havia feito o mesmo na setima temporada e nao tivemos nada para alem das cenas que a partir da 5ª temporada sao todas iguais: episodio começa com cena de 1 minuto na cama de manha, episodio acaba com cena de 1 minuto na cama à noite. Sinceramente nao vejo em lado nenhum o que a Shonda disse sobre eles ficarem mais proximos e se apoiarem um no outro, vejo sim duas pessoas miseráveis juntas.
    Não é o mesmo.
    Para além disso, sim é verdade que me arrepiei bastante com a cena da Callie no chuveiro e com a cena do Derek a ver o aviao novamente. Atuaçoes solidas e com sentimento, no entanto, dado o episodio pouco dinamico quase que sao abafadas o que é uma pena. Tambem penso que deveriam explicar melhor este fenomenos estranhos : April atendente, internos sendo mandados por atendentes... (pelo que percebi os residentes mandam nos internos e os atendentes nos residentes...) so confunde as pessoas e nao torna plena a temporada pela qual os fans esperaram 9 anos!!! que é ver a Meredith de interna a atendente!!!!

    ResponderExcluir
  18. Realmente Jessica e Sara estão mostrando como se atua, ainda não me conformo com a amputação da Arizona, acho que a historia poderia ter tido outro rumo, no entanto não sou eu a escritora né. Poxa porque não colocaram uma fisioterapeuta mulher para a Arizona, assim a Callie ia ficar um pouco insegura com a aproximação de sua esposa com a nova médica, o que traria para a Arizona uma auto estima vendo sua esposa com ciumes dela mesmo com toda a situação. Afinal com a amputação o constrangimento e o medo de perder a Callie creio eu é que esteja fazendo a Arizona tratar la com tanta frieza, pois ela deve achar que não a merece mais e se vê como um peso para Callie, ela estar tentando afasta la com suas atitudes grosseiras. Espero uma cena bem bonita para o entendimento dessas duas que literalmente roubaram a cena em grey. Hoje só se falam nelas seja gay, lesbicas ou heteros,realmente essas atrizes mudaram o conceito de amor de muita gente. Parabens Sara e Jessica.

    ResponderExcluir
  19. Ela não passou no exame de
    Especialização,ela ainda é médica e pode repetir o exame,o que vai acontecer em breve,acho eu.

    ResponderExcluir
  20. Nada contra os demais persongens,mas pra mim CALLIE E ARIZONA sao o melhor de G.A*
    So se falam nelas...nao e a toa que elas tem essa legiao de fans por todo mundo# gracas ao talento,quimica e dedicacao dessas 2 maravilhosas atrizes.MEUS PARABENS A SARA E JESSICA

    ResponderExcluir
  21. Gente eu ainda nao vi o 9x03,estou me preparando p cena intensa do chuveiro...mas me tirem uma duvida quem e a interna safada que da em cima da nossa Callie?num gostei disso nao,alguem pode me tirar essa duvida please!!

    ResponderExcluir
  22. mas entao ela não deveria tá usando o jaleco de residente?

    ResponderExcluir
  23. Concordo com tudo o que vc escreveu. Elas são demaissssssss

    ResponderExcluir
  24. Îrrepreensível, a atuação da JCap e da SaRa! Perfeito simplesmente, as duas mostraram porque são o casal com mais shippers de greys!

    ResponderExcluir
  25. Greys anatomy sem Lexie?????A morte da LittleGrey me faz chorar até hoje, simplesmente por lidar pela idéia de que a nossa Lexie morreu, é um simples corpo, e nunca mais vai voltar (lidem com isso), isso dói muito e sempre me faz chorar quando penso nisso.Era minha personagem favorita e com certeza foi a morte que mais me abalou e me pegou pelas costas.
    Achei a morte dela, sem significado, Shonda simplesmente colocou uma turbina de avião em cima dela, colocou o Mark do lado para apunhalar mais, pois ele disse coisas lindas (como eles se casarem, terem fihos e serem felizes) as quais sabiamos que NUNCA iriam acontecer, e ainda a coitada foi devorada por animais selvagens ainda.Eu sinceramente preferia que o Mark morresse lá e a Lexie pelo menos morresse no hospital com pessoas amadas ao seu lado e com dignidade como foi a morte do nosso querido McSteamy.
    E agora no inicio da temporada nova, senti que tratarem a Lexie como se não tivesse importancia, uma morte sem nenhum sentido.Não houve uma homenagem, nem um sinal de dor, perda ou luto.Eu sei que a Meredith vai idar com isso no episodio 05, mas mesmo assim.Não houve nada para a Lexie, ela simplesmente foi deixada como corpo e pronto, tipo a Lexie morreu, e dai???Isso me deixa muito muito triste, pois para mim ela merecia uma homenagem, porque para mim a Lexiepedia nunca vai morrer e fará mtmtmt falta nesse seriado.
    Espero que lembrem mais dela.
    Saudades, Lexie Grey.

    ResponderExcluir
  26. SHONDA tem que começar a trabalhar mais as histórias,Sara e Jessica estão maravilhosas nesta temporada oq ue não fizeram na oitava estão supreendendo nesta Karev so pensa em transar esta querendo ser o Mark da vez? os internos são mornos,é mais vamos esperar o que ela reserva pra nós.

    ResponderExcluir
  27. ela esta a usar :s

    ResponderExcluir
  28. Tenho que concorda!
    realmente eu fiquei surpresa pela quantidade de shippers calzona
    mas a Sara vem crescendo logo depois que a JCap entrou..pq eu odiava quando a callie era casada com o george e depois daquela tentativa fajuta de colocarem ela pra fazer par com a Hahn..graças a deus apareceu a arizona!!! auhhahuauauha Uma luz no fim do tunel

    ResponderExcluir
  29. Acho que a April ao não passar no exame, apenas não é uma cirurgiã certificada, mas é atendente à mesma pois a residência acabou.
    Ao contrário dos seus colegas que são cirurgiãos certificados e que muitos hospitais lutaram para os contratarem, ela foi dispensada por não ter o tal diploma.

    ResponderExcluir
  30. Concordo, apenas não concordo com a parte do Karev, pois ele tinha razão, sem a Arizona e com o novo Pediatra de que ele não gosta, ele precisa de internos que trabalhem, já que ele não consegue dar conta de tudo.
    Achei uma falta de respeito a interna meter-se com a Callie, pois ela devia saber da situação da Arizona e afins e, vir perguntar à Callie se queria ir tomar uma bebida é pura falta de respeito. Também não vejo o porquê da Callie andar a falar de sexo com o Karev e mesmo supor se dormisse com a interna do qual não sei o nome.


    ResponderExcluir
  31. O fato dele estar sobrecarregado não dá direito a ele de maltratar a interna. A cena do café foi de vomitar. Quando da história com a Morgan, Arizona cansou de falar pra ele sobre o relacionamento com as internas e ele não aprendeu nada. Eu até gosto do personagem, mas há limites para tudo, até para ser troglodita em situações limites.


    Quanto à interna cantar a Callie para ser favorecida, achei estranho diante da situação, mas vejo apenas como forma de desespero de alguém que quer aprender e está se sentindo um lixo. Como Callie percebeu, se o convite fosse aceito, ela teria recuado.

    ResponderExcluir
  32. Stephanie S222/10/2012 21:01

    Eu n acho ki a parte religiosa de Kepner seja a parte chata dela, ela er chata pcausa da voz e por a personalidade dela ser horrível, n culpe a parte errada. Eu acho até fofinho. Mas o ep. foi muito bom, engraçado tbm.

    ResponderExcluir
  33. Personagens que me comoveram nesse ep foram a Callie e o Derek. Ambos agiram incrivelmente. Callie está fantástica com toda essa força e equilíbrio e Derek analisando "the bigger picture" e vendo que uma pilha de dinheiro não apagaria pelo que eles passaram e o que outras pessoas poderiam passar e passaram. isso me comoveu de certa forma pois é isso que muitos de nós deveríamos ver.. Deixar a ganancia de lado e ver a coisa como um todo ...

    ResponderExcluir
  34. mais se tivesse brecha da interna Callie pegava do jeito que ela esta uma Ursa Safada mais falta de respeito da parte dela,mais é o costume de algumas dormir com os atendentes par vê se fazia cirurgia.

    ResponderExcluir
  35. até que enfim alguém elogiando Arizona porque ja vi comentarios de pessoas que dizem que não gosta de Ari,mais se continuasse com Hahn,Mark ou george seria agua com açucar,pois a quimica é perfeita o entrosamentos das atrizes são dez

    ResponderExcluir
  36. Concordo...a historia da callie tava um pé no saco, ela tava bem avulsa na série! dai quando vi a cena do banheiro [primeiro encontro delas], achei q rolou muita quimica..e foi o q realmente aconteceu..no caso do romance delas é que rola muito equilibrio! não sei dizer como, mas rola..e eu adoro isso, pq é muito meio ver as duas juntas, é engraçado é fofo!
    agora com a hahn, bom com ela sei lá q o foi aquilo, era muito forçado [até a callie nao gostava muito no começo], não é aquela coisa q vc tem vontade de assistir..eu lembro q li em algum lugar q ela saiu da série por falta de quimica com a callie
    e realmente, não sei o q passa na cabeça das pessoas q falaram q não gostam da arizona..caraa vai entender! mas opiniao é opiniao né

    ResponderExcluir
  37. a quimica é tão perfeita que parece um casal real de lésbicas,é isso que envolve os telespectadores. pois tem personagem que fazem nós se reconhecer nele. e Calzona é uma casal que eu me reconheço a quimica entre os atores é tudo estão de parabêns as duas.

    ResponderExcluir
  38. Química é pouco, a sintonia entre as 2 atrizes é perfeita, estão dando de tudo pra mostrar de uma forma mais real possível..Os fãs da série e principalmente de Calzona agradecem, pois estamos assistindo a um show de interpretação de ambas, e eu espero que se transforme em prêmios lá na frente...kkkkk

    ResponderExcluir
  39. apoio e assino embaixo elas estão merecendo prêmio,vamos torcer .estão mostrando pra que veio é porque são respeitadas e valorizadas tanto por hetéros,homossexuais e bissexuais.

    ResponderExcluir
  40. Acho que no Seatle Grace é tudo confuso, lembro que a Callie passou a ser residente sem fazer teste nenhum, e a Bailey tbm! O chefe só contratou-as e mandou elas irem assinar a papelada e pegar crachá novo. ;s

    ResponderExcluir
  41. A April é atendente porque terminou a residência em cirurgia geral. O exame era para obter a certificação em cirurgia geral mas ela reprovou. Mesmo assim, como ela já terminou a residência ela é atendente mas não está certificada. Meredith, Alex, Cristina e Jackson são cirurgiões gerais certificados porque terminaram a residência e passaram o exame. Alex, Cristina e Jackson estão agora a fazer especialização em Cirurgia Pediátrica, Cardiotorácica e Plástica, respetivamente.

    ResponderExcluir